Exames 3

Exames

A Clínica Oftalmológica OFTA conta com um avançado centro de diagnóstico que realiza exames de última geração. Estes exames auxiliam o diagnóstico preciso de diversas doenças oculares, discussão de condutas, planejamento e tratamentos especializados. Desta forma, nossa equipe de oftalmologistas consegue determinar com precisão, qual o melhor tratamento para cada paciente.

Saiba mais sobre nossos Exames

Retinografia

É uma fotografia da retina ou do nervo óptico que é feita com auxílio do retinógrafo. As principais indicações são para diagnóstico e acompanhamento das doenças vítreo retinianas, glaucoma e doenças do nervo óptico. O exame deve ser feito com a pupila dilatada e demora cerca de 5 a 10 minutos.

 

Retinografia de Papila

O exame permite observar se existem alterações no disco óptico ou papila. Através de fotografias é possível estudar forma, contornos, relevo, tamanho, coloração e escavação do disco óptico.

É realizado com frequência em pacientes com hipertensão ocular, glaucoma, edema de papila, papiledema, neurite óptica, pseudopapiledema ou tumores da cabeça do nervo óptico.

É necessário dilatação das pupilas para realização deste exame.

Teste do Reflexo Vermelho

Para realização deste exame é necessário dilatação das pupilas. Com auxilio de um aparelho que emite uma luz e de lentes apropriadas é possível analisar a superfície da retina, permitindo diagnosticar várias doenças oculares, como oclusões vasculares, descolamento de retina, tumores, hemorragias e outras patologias retinianas, além avaliar o dano ocular causado por doenças sistêmicas como o diabetes e hipertensão arterial.

Teste ortóptico

O Teste Ortóptico tem a função de analisar a movimentação ocular e a percepção de estímulos visuais, permitindo caracterizar de maneira mais detalhada a ocorrência de estrabismo e ambliopia.

É indicado para avaliar o alinhamento dos olhos em todas as posições do olhar. Pacientes com suspeita de estrabismo e ambliopia ou que possuem visão dupla, visão embaçada ou queixas de dores de cabeça, são candidatos à realização deste exame.

Tomografia ocular OCT Zeiss

A Tomografia de Coerência Óptica, OCT das iniciais em inglês (Optical Coherence Tomography), é um procedimento diagnóstico que utiliza a luz para obter e criar uma imagem da retina e do disco óptico.

Utilizando uma técnica conhecida como interferometria de baixa coerência para medidas ópticas, o OCT tem principio de funcionamento semelhante ao do ultrassom, porém utilizando a luz no lugar do som. Esta diferença permite medidas de tecidos biológicos dentro da escala de até 2 micra, contra as 200 micra do ultrassom. O exame é não invasivo, não havendo contato com o olho.

Este exame é indolor.

Tonometria

O exame é realizado para obter a medida da pressão intra-ocular. Pode ser feito com auxílio de aparelhos com sistema de aplanação ou de sopro.

No primeiro caso o tonômetro é aproximado até encostar no olho (anestesiado com colírio) e a tensão do aparelho é regulada para efetuar as medições.

No segundo método, sem contato, a medição é realizada com ajuda de um sopro de ar.

Topografia Corneana

Permite o mapeamento da curvatura da superfície corneana, o que auxilia no diagnóstico de doenças. É também utilizado com frequência para adaptação de lente de contato, assim como no planejamento de cirurgias de catarata, transplante de córnea ou cirurgias refrativas. São projetados anéis luminosos na córnea e a captura dessa imagem é obtida através de uma câmera de vidro. As informações obtidas são analisadas por computador e os resultados expostos em cores.

Ultrassonografia Ocular

Exame realizado através de uma sonda, podendo ser realizado com as pálpebras abertas (raramente) ou fechadas. Exame indolor, muito útil quando não é possível a visualização direta das estruturas intra-oculares como no caso de catarata, hemorragia vítrea, entre outras patologias e também auxilia na diferenciação de tumores intra-oculares.

WhatsApp WhatsApp