Exames

Exames

A Clínica Oftalmológica OFTA conta com um avançado centro de diagnóstico que realiza exames de última geração. Estes exames auxiliam o diagnóstico preciso de diversas doenças oculares, discussão de condutas, planejamento e tratamentos especializados. Desta forma, nossa equipe de oftalmologistas consegue determinar com precisão, qual o melhor tratamento para cada paciente.

Saiba mais sobre nossos Exames

Angiofluoresceinografia

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

 

Biometria

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

Biometria IOL Master

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

Biomicroscopia

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

Biomicroscopia de Fundo

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

Campo Visual Computadorizado

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

Ceratometria

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.

Curva Tensional

Angiofluoresceinografia é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, que é a camada sensível à luz e que reveste o interior do globo ocular. É injetado um contraste na veia do paciente no inicio do exame e dessa forma é possível avaliar o comportamento do fluxo sangüíneo no interior do globo ocular, identificando regiões com edema, neovasos, vazamentos, entre outras alterações. Esse exame auxilia na identificação e diagnóstico de lesões ou anomalias na retina. Algumas indicações para realização deste exame são pacientes com retinopatia diabética, alterações na retina por hipertensão arterial, alterações da mácula, tumores oculares e trombose. O exame é realizado com as pupilas dilatadas.